Depressão tem cura?Depressão tem cura?

Milhares de pessoas estão sofrendo nesse momento, passando por dores emocionais, estresse, ansiedade, angustia e desmotivação, chegando até o ponto de querer acabar com a própria vida.

Você também tem se sentido assim?

Pois fique sabendo que a depressão tem cura sim, e nós vamos te ajudar nesse processo.

Continue lendo nosso artigo para descobrir como superá-la! Nele você vai ver:

  • O que é a depressão?
  • Quais são os sintomas da depressão?
  • O que causa depressão?
  • Remédio para depressão funciona?
  • Depressão tem cura? Como superar a depressão
  • Top 5 Remédios naturais que previnem e combatem a depressão

O que é a Depressão?

A depressão é uma síndrome que afeta negativamente a química do cérebro, a maneira como você se sente, pensa e age.

Especificamente, é um transtorno mental que afeta as emoções, caracterizado pelo baixo humor, tristeza, frustação e perda de interesse.

As pessoas que sofrem de depressão têm uma probabilidade maior de ingerir drogas, bebidas alcoólicas e tabaco comparado às outras pessoas.

Cerca de 80% dos suicídios são causados por um surto de forte depressão, por isso é essencial procurar ajuda, e conversar sobre o seu problema.

Muitas vezes desabafar com familiares pode não resolver, pois muitos vão lhe julgar e falar que ”isso é tudo coisa da sua cabeça”.

A Organização Mundial da Saúde caracteriza a depressão como um dos distúrbios mais impactantes do mundo.

Mas afinal, a depressão tem cura? É possível supera-la? Antes de responder essas perguntas preste atenção nos sintomas e perceba se eles fazem parte do seu dia a dia. 

Quais são os Sintomas da Depressão?

Você se sente deprimido, solitário e sem ânimo para fazer as coisas? É perfeitamente normal sentir-se assim em certos dias.

No entanto, quando o sentimento de tristeza, solidão e angustia fazem parte da sua rotina, causando impacto no convívio social, familiar ou no trabalho, você deve procurar ajuda.

O depressivo tem uma visão distorcida do mundo, a atitude negativa e o baixo astral dominam seus pensamentos.

Para descobrir se você sofre de depressão, leia os sintomas e veja se eles se identificam com a sua vida.

Sintomas da Depressão

  • Sentimento de tristeza, inutilidade ou sem esperança;
  • Cansaço, fadiga e ansiedade;
  • Perda de Interesse em passatempos ou atividades que antes eram prazerosas;
  • Distúrbio do sono: Insônia ou sono excessivo;
  • Disfunção cognitiva ou dificuldade de concentração;
  • Dores persistentes, por exemplo, peito, cabeça, costas;
  • Baixa autoestima, sentimento de culpa e inferioridade;
  • Mudanças no apetite – Ganho de peso ou perda;
  • Problemas gastrointestinais;
  • Irritabilidade ou inquietação
  • Perda de interesse em viver e pensamentos suicidas.

O que Causa a Depressão?

A depressão é um distúrbio que afeta a química do cérebro, diminuindo a produção de neurotransmissores como a endorfina, serotonina e dopamina.

Esses neurotransmissores facilitam a comunicação entre os neurônios e os impulsos nervosos, são responsáveis pela sensação de bem-estar e felicidade.

Muitos fatores podem favorecer a depressão, incluindo alterações nos níveis hormonais, estresse, genética, um forte sentimento de perda ou abuso de substâncias químicas, como os remédios e drogas.

Além disso, outras condições têm sido associadas à depressão:

  • Estados neurológicos degenerativos – Parkinson, Alzheimer e esclerose;
  • Doença cardíaca;
  • Distúrbios endócrinos – glândulas adrenais, tireoide;
  • Deficiências nutricionais, como a falta de vitaminas do complexo B ou D3;
  • Câncer;
  • Disfunção erétil em homens;

Qualquer um desses fatores ou uma combinação entre eles pode provocar mudanças na química do cérebro, ocasionando os sintomas da depressão.

Por isso é muito importante você descobrir a causa, para conseguir superar a doença. 

Mulher com remédios antidepressivos
Depressão tem cura? – Mulher segurando remédios antidepressivos.

Remédio para Depressão Funciona?

O uso de antidepressivo vem aumentando drasticamente com o passar dos anos, e está na lista dos medicamentos mais vendidos do mundo. Mas afinal, ele realmente funciona?

O remédio para depressão ameniza apenas os seus sintomas, mas não cura a verdadeira causa da doença.

Com o passar do tempo o organismo se adapta a ele e a dosagem tem de ser aumentada, podendo chegar ao ponto de perder sua eficácia.

Além da droga não ser eficaz, possui diversos colaterais graves, que podem incluir pensamentos e tentativas suicidas, ganho de peso, problemas neurológicos e mudanças de personalidade. Ou seja, pode agravar ainda mais os sintomas da depressão.

Para vencer a doença, você deve mudar a sua forma de pensar, seus hábitos e conversar sobre os seus problemas, conforme nós vamos te ensinar a seguir.

Depressão tem Cura? Como Superar a Depressão

A depressão tem cura através da mudança de hábitos. Eu sei que falar é fácil, e na prática é muito mais complexo que isso, mas você não está sozinho, eu quero te ajudar a superar esse problema.

Para isso, criei uma lista de hábitos que você deve incluir na sua vida. Teste cada um deles e veja qual funciona melhor para você. Tenha paciência e persistência.

A depressão tem cura, basta você reprogramar seu cérebro com novas atividades e com mudanças nos seus hábitos. 

Seja Positivo

Já ouviu aquele ditado: você é aquilo que pensa? É exatamente assim!

Não se deixe enganar pela sua mente, policie seus pensamentos, não permita focar no que é negativo.

Pare de sofrer pelo passado ou antecipar o futuro. Viva o agora e sempre pense positivo.

Você possui o poder de alterar o mundo a sua volta e a sua própria vida. Tome uma atitude, comece por deixar de lado o negativismo e pensar na sua vida e nos seus problemas de forma mais positiva.

Tudo é passageiro, seus medos e angústias vão passar.

Um estudo feito pelo do Instituto Nacional de Distúrbios Neurológicos revelou mudanças no cérebro de depressivos quando eles são generosos e positivos. Nesse estudo, também foi notado um aumento significativo nos níveis de serotonina.

Aprenda Coisas Novas

Independente da sua idade, nunca pare de aprender, o seu cérebro está sempre pronto para fazer coisas novas.

Crie um novo proposito para sua vida, isso lhe dará mais vontade de viver, além de desafiar as suas habilidades e talentos.

Viva momentos diferentes, conheça lugares novos, faça aventuras radicais e aprenda um novo hobbie. O que você tem feito para a sua vida valer a pena?

Aprender coisas novas lhe fará mais feliz e lhe abrirá novos horizontes. Aproveite a vida, explore seus limites e medos, você não irá se arrepender.

Sorria Mais

O sorriso enriquece os recebedores sem empobrecer os doadores” – Mario Quintana

Segundo o psicólogo Richard Wiseman, seu humor muda quando você finge um comportamento. Por exemplo, force um sorriso quando você estiver angustiado e infeliz.

Automaticamente o seu cérebro passa a entender que você está feliz, e comunica os neurotransmissores, como a endorfina e serotonina, responsáveis por combater a depressão.

Faça um teste, acorde e finja sorrir por um minuto na frente do espelho, é mais fácil ficar feliz com um sorriso falso do que apenas pensar em coisas legais.

Esteja perto de Pessoas que Você Gosta

É comum na depressão se isolar de familiares e amigos, porém essa atitude só piora o quadro, fazendo você se sentir solitário.

O convívio social é um dos fatores mais importantes para a felicidade, portanto, procure um tempo para se reunir com quem você gosta.

Aproveite o momento com essas pessoas, converse e tente sorrir. Acredite, essa simples mudança renovará as suas energias.

Controle seus Medos

Aceite a falta de controle, abra mão da prepotência da sua mente e entenda que ninguém no mundo é perfeito.

Independente se é um empresário dono de uma empresa que constrói pontes, ou se é o morador de rua que mora em baixo dela, os dois são iguais. Todos nós somos iguais, ninguém é superior a ninguém.

Viva o momento, um dia de cada vez, vitorioso não é aquele que vence os outros, mas sim aquele que vence a si mesmo, dominando seus medos, e superando as suas angústias.

Seja Grato pela sua Vida

Abriu seus olhos hoje? Então seja grato por isso. A gratidão começa pelas pequenas coisas, agradeça sua vida, sua família, suas conquistas, seus aprendizados e pelo alimento que está na sua mesa.

Quantas famílias não tem o que comer e nem o que vestir, e mesmo assim são felizes e gratas por aquilo que tem? Dê valor à sua vida, ela é o bem mais precioso que existe.

Reduza o Estresse

Saber o que te tira do sério é fundamental para reduzir o estresse. Uma vida estressante afeta negativamente a saúde e as emoções.

Aprenda a controlar suas emoções e pensamentos, você tem poder de escolha: se estressar ou não.

A forma com que você encara os problemas é que deixa você estressado. Não se deixe estressar, aprenda a encarar os problemas e situações estressantes de outra forma.

Quando alguma situação estressante acontecer, pergunte à si mesmo: Vale a pena me estressar por causa disso? O que eu vou ganhar com essa atitude?

O estresse prejudica a produção dos neurotransmissores relacionados ao bem-estar, baixos níveis dessas substâncias favorecem a depressão e o pessimismo.

Tenha uma Alimentação Saudável

A alimentação afeta significativamente a sua saúde emocional, tendo impacto direto nos neurotransmissores presentes no cérebro. Ter uma alimentação saudável é essencial para o tratamento da depressão.

Elimine completamente alimentos que podem piorar a sua depressão, como: álcool, adoçantes artificiais, óleos vegetais e hidrogenados, alimentos industrializados, açúcar refinado, farinha branca e cafeína.

Esses alimentos afetam seu sistema nervoso, danificam o cérebro, alteram os níveis de açúcar no sangue, causam inflamação e inúmeras doenças. 

Livre-se de Vícios Nocivos

Cigarro, álcool e diversas drogas são extremamente nocivos à saúde. Se você quer ter bem-estar, saúde física, espiritual e emocional, será fundamental abandonar esses vícios.

A depressão deixa a pessoa vulnerável a vícios, no entanto a dependência agrava os sintomas da doença.

Dê um passo de cada vez, mude a sua rotina, substitua hábitos negativos por novos hábitos construtivos, que tragam um propósito para a sua vida.

Tenha Contado com a Natureza

Lembra da sua infância? Quando você brincava descalço na rua e tomava banho de chuva? Você ficava feliz?

Essas atitudes simples podem trazer uma sensação de felicidade enorme. Saia do seu quarto, ande pelas ruas, aproveite o mundo, não se limite a ficar dentro de casa. Existem coisas maravilhosas la fora, saia para ver.

Um estudo feito pela Universidade de Stanford revelou que caminhar em meio à natureza reduz os pensamentos negativos, e os sintomas da depressão.

Ter contato com a natureza proporciona sensação de paz, alegria e disposição, e melhora o fluxo de oxigênio no corpo.

Ajude o Próximo

Então se você quer se sentir bem, faça o bem. 

Por mais simples que seja a sua atitude, vai mudar o dia da pessoa. Além disso, mesmo que inconscientemente esse ato de bondade deixa você mais feliz e ajuda a superar a depressão.

Faça o bem sem olhar a quem e não espere nada em troca. Somos iguais e devemos ajudar aqueles que precisam.

Pratique Exercícios Físicos Regularmente 

A depressão desgasta o corpo, deixa-o sem energia, por isso a pratica de exercício é fundamental para enfrentar o problema. A atividade física é capaz de aumentar a sua disposição e o ânimo.

Ao se exercitar, o seu organismo libera substâncias como a endorfina, que proporcionam sensação de paz e tranquilidade.

Faça uma caminha, corrida, ande de bicicleta, faça aulas de luta, dança, enfim, algo que você goste, assim você não desistirá da pratica.

Medite

A prática da meditação é capaz de mudar profundamente o cérebro e a maneira como você enxerga a vida.

Ao praticar meditação diariamente o seu cérebro passa a pensar de forma positiva, o humor melhora, e você consegue lidar melhor com os problemas, e aprende a superar a depressão.

Além disso, a meditação diminui a ansiedade, o estresse a frequência cardíaca e aumenta a sensação de bem-estar. 

Acredite / Tenha Fé

Alimente sua fé e seus medos morrerão de fome!

Acredite que você é capaz. A depressão tem cura, basta você ter fé e mudar seus hábitos. Faça a sua história, acredite nela, busque os seus sonhos e os realize.

Às vezes a vida não é fácil, os caminhos são difíceis, mas a recompensa de superar a depressão fará todo o sofrimento valer a pena.

Seja forte, acredite e tenha fé, encare os seus problemas e dê um basta na dor. 

Conheça Pessoas Novas

O depressivo tende a se isolar socialmente, mas essa atitude só piora a doença. Embora possa parecer difícil, conhecer novas pessoas e socializar melhora o humor e ajuda na luta contra a depressão.

Talvez você conheça alguém que mude o seu mundo e te faça enxergar a vida de uma outra maneira.

Coloque como meta conhecer pelo menos uma pessoa nova por mês.

Top 5 Remédios Naturais que Previnem e Combatem a Depressão

Óleo de Peixe (1.000 MG por dia)

Você sabia que 60% do seu cérebro é composto por gordura?

O consumo de gorduras boas, como o ômega 3, pode melhorar o seu humor e manter o seu cérebro em bom funcionamento. Você pode suplementar ou comer peixes de águas profundas, ricos em ômega 3.

Um estudo do Archives of General Psychiatry mostrou que a suplementação com EPA (um dos tipos de ômega-3) ajudou a reduzir os sintomas de depressão em  até 50%.

Vitamina D3  (5.000 UI diariamente)

A vitamina D3 na verdade é um hormônio, que controla cerca de 10% dos nossos genes.

Ela age como um anti-inflamatório natural, fortalece o sistema imunológico e ajuda no tratamento da depressão. Pessoas com baixos níveis de vitamina D3 estão mais propensas a sofrer da doença.

Rhodiola (1.000 MG – 2x ao dia)

A rhodiola é uma planta natural com poderoso efeito sobre o sistema nervoso.

Um estudo publicado no jornal americano The Journal of Alternative and Complementary Medicine, comprovou que a planta tem o poder de fortalecer a atividade cerebral e diminuir o hormônio do estresse, o cortisol.

O consumo diário da planta melhora o humor, a ansiedade e a depressão.

Vitaminas do Complexo B

As vitaminas do complexo B são fundamentais para a saúde mental e o sistema nervoso.

Por isso, se quer controlar o emocional e combater a depressão você deve ingerir alimentos ricos em vitaminas do complexo B, especialmente a B12.

Erva de São João (300-500 MG por dia)

A erva de São João é muito popular desde os tempos da Grécia antiga. Ela age no organismo como um antidepressivo natural e trata diversos distúrbios nervosos.

A planta atua sobre os neurotransmissores de forma semelhante aos inibidores da serotonina (como o medicamento Prozac, que aumenta os níveis da substância no cérebro).

 

Mas e ai, a depressão tem cura?

Se você esta buscando um remédio para curar a depressão, infelizmente, ele não existe, e você NÃO será curado.

No entanto, por meio de mudanças no seu comportamento e na maneira como você enxerga e reage a situações do dia-a-dia, podemos dizer que a depressão tem cura sim.

Ela esta ai bem dentro de você, basta você acreditar e ter paciência para encontrá-la.

A depressão domina a mente, como um “monstrinho manipulador” que fica falando coisas negativas na sua cabeça. Não dê ouvidos à ele.

Você não é o primeiro e nem será o ultimo a passar por isso.

A depressão tem cura, basta ter fé e mudar seu comportamento. Você não esta sozinho, estamos juntos com você nesse tratamento.

Queremos ver o seu bem, por isso, faça o seu melhor, coloque essas dicas em prática e nos conte como a sua vida melhorou.

Gostou do nosso artigo? Ele te ajudou de alguma forma? Deixe o seu comentário.

 

Fontes

Harvard
Dr. Axe
Livro: SuperCérebro
Dr. Axe²